quarta-feira, 16 de junho de 2010

ENTRE FLECHAS E PALAVRAS...


Tem um velho provérbio que diz o seguinte: "Três coisas na vida, não voltam jamais: A flecha lançada, a palavra dita, e a oportunidade perdida!"
Dessas três coisas, concordo parcialmente com uma. As demais, discordo totalmente.
Flecha lançada: De fato, uma flecha lançada não volta, salvo algum efeito especial numa filmagem, mas daí não é real! Mesmo assim, ainda que no terreno da ficção ela voltaria.
Palavra dita: Algumas pessoas, falam e escrevem coisas com tamanha convicção, que até o mais incrédulo dos homens passa a acreditar. O poder de convencimento é enorme, e tem a mesma proporção de quando negam tudo o que falaram. Tentam convencer-nos de que não era bem isso que queriam dizer, ou então, "o momento era outro"... Ou seja, palavras voltam, sim.
Oportunidade perdida: Sempre acreditei que algumas oportunidades que perdemos, não eram para acontecer, e certamente outras iguais, ou até melhores surgirão em nossas vidas.
Sendo assim, chego à conclusão que não devemos acreditar em tudo o que nos dizem, e que ao perdermos uma oportunidade, não devemos lamentar, pois algo melhor está por vir.
O problema são as flechadas. Na vida real, elas não voltam...

15 comentários:

joyce domingos disse...

ahhh meu querido....hj eu estou meio emocionada com tdo sabe??

e ler o que escreveu sobre a oportunidade perdida me tocou....até pq me martirizo demais pelas oportunidades que eu n aproveitei....

e palavras voltam,sim! ainda bem que voltam....

o problema,como disseste,são mesmo as flechas....

espero n ser atingida por uma rss...

um beijo queriiido^^

*Mi§§ §impatia* disse...

Ahhhhh finalmente encontrei uma pessoa que pense exatamente como eu, sobre este provérbio.
Beijos querido.

Silvia C. Barbosa disse...

Graças a Deus que elas voltam sim, pois lancei e recebi muitas que mais pareciam flechas. E acreditar que não voltam, dói muitas vezes mais em quem as lança...

Beijos

Marcos disse...

Palavras da experiência devem ser respeitadas....

Olha, as flechas não importam muito....

Nunca lastimei uma "oportunidade" perdida, porque a oprtunidade só sabemos que ela é realmente oportunidade após muito tempo... pois tantas delas mostram-se tremendos desastres....

Palavras... essas ditas voltam atrás... senão... qual o significado da palavra "perdão"?

Abç

Juliana disse...

Cisco, sabe aquela coisa de... "tudo tem a hora certa" ou mesmo "Se for para ser, vai ser" ? Eu acredito nisso também.

Bjos, e boa semana!

Namorada Girassol disse...

Olá Dear...

Leitura complexa,aliás pontos de vistas nem sempre são explícitos...
Se não que seriam das entrelinhas?
Hoje talvez motivada por uma súbita "anestesia cerebral",não alcanço as entrelinhas deste post;
Flechadas quando em formas de palavras são inesquecíveis...
Na minha opinião uma coisa está entrelaçada a outra,palavras, flechadas e oportunidades...
As oportunidades vem e vão...o que faz a diferença mesmo é o aprendizado que tiramos das apanhadas e das perdidas,mais ainda das que nos são dadas em conforto ou "prêmio" pela sapiência de compreender que a oportunidade perdida era nada mais do que "um breve aprendizado".
Agora as flechas...essas cravam na alma;como em carvalho...se alguém conseguir tirar,ainda restarão as cicatrizes!

Bjks pra ti!

Andréia disse...

Oi amigo !!

Boa Tarde !!

Nem tudo que lêmos comos os famosos proverbios , há de se levar ao pé da letra.
Te confesso que gostei muito da descrição que você fez referente a este proverbio e digo mais:
"concordo com cada linha sua"

Um abraço desta sua amiga "ausente"

Andréia

Vivian disse...

...a única flecha que não dói
e aquela do cupido trazendo
amor.

mas até esta às vezes
erra o alvo...

rsrs

adorei o post 'fisolófico'...

bj, menino!

Marcos Dhotta disse...

Eu acredito que nada está perdido quando se tem a possibilidade de sonhar... É o velho ditado: "O sonho nos dá o que a realidade nos nega". Portanto... Flechas, palavras e oportunidades podem retornar, desde que estejamos prontos para acreditar. Seremos sempre um suave e eterno vir-a-ser...

Caríssimo Francisco...
Tocante suas palavras no meu blog. Obrigado pelo carinho

Andréia disse...

Bom dia meu amigo!!

So passando para desejar um otimo dia

Abraço

ONG ALERTA disse...

Tudo em nossa vida tem seu momento, não acredito que se perde algo simplesmente olhamos para coisas diferentes, paz.
Beijo Lisette

CARLA ROCHA disse...

Bom dia amigo! Como li aí em cima, as flechas fazem parte; pior são as cicatrizes que elas deixam...
Ultimamente várias tem me acertado e tenho a sensação de que nem na próxima encarnação me esquecerei das cicatrizes....Beijo grande, o Sol está lindo e o céu azul!

Fernanda, disse...

Saudações, Francisco.
Ando sumidaça do mundo blogueiro... e suas descrições foram de arrepiar.

Beijos, e uma ótima semana.

Jaime Piedade Valente disse...

o tempo não volta atrás

sabia que mesmo os teólogos dispostos a reconhecerem a deus todos e mais alguns poderes reconhecem que nem ele (caso o sacana existisse, claro) pode mudar o passado?

Maris Morgenstern disse...

já contei q amo ler os contários do seu blog né...
mesmo em dias ocmo hoje q não sei o q dizer...
abro os comentários, nao pra escrever, mas pra ler...
e me deparo com o interessante dito sobre o interessante...
Jaime, jaime, jaime...
nem mesmo Deus muda o passado